jump to navigation

CNPq investe em estudos sobre células-tronco 25/11/2008

Posted by Esclerose Múltipla in Utilidade pública.
trackback

Hemocentro será pólo de pesquisa
CNPq vai investir R$ 7,1 mi em estudos sobre células-tronco; 4 cidades participam

O Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), órgão ligado ao Ministério de Ciência e Tecnologia, vai investir R$ 7,1 milhões para a criação de um instituto de tecnologia em células-tronco e terapia celular em Ribeirão Preto, que será administrado pela Fundação Hemocentro. O edital com o texto da aprovação será publicado na próxima quinta-feira no Diário Oficial da União.

O instituto funcionará como uma rede que interligará especialistas e entidades de pesquisa em São Paulo, Rio de Janeiro, Pirassununga e Belém. O objetivo é criar condições para pesquisa, estabelecimento de um banco de células-tronco, desenvolvimento de sistemas de cultivo e testes pré-clínicos e clínicos.

Pesquisadores prevêem que terapias celulares devem ser disponibilizadas em 15 anos à população. As possíveis aplicações serão para o tratamento de doenças como diabetes tipo 1 e esclerose múltipla.

Além dos investimentos que serão feitos em Ribeirão Preto, outros locais receberão investimentos para a criação de institutos nacionais de ciência e tecnologia. No total, serão investidos R$ 590 milhões em três anos.

Fonte: Gazeta de Ribeirão

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: