jump to navigation

Extavia 25/03/2008

Posted by Esclerose Múltipla in Espaço médico.
trackback

EMEA recomenda aprovação de Extavia para a esclerose múltipla

O Comité de Medicamentos de Uso Humano (CHMP), da Agência Europeia do Medicamento (EMEA), recomendou a aprovação do Extavia (interferão beta-1b), da Novartis AG, para o tratamento da esclerose múltipla.

As recomendações para a aprovação de comercialização, por parte do CHMP, são normalmente apoiadas pela Comissão Europeia (CE) num espaço de alguns meses.

O fármaco é uma versão do Betaseron (interferão beta-1b), da Bayer AG, dando à Novartis uma presença importante no tratamento da esclerose múltipla antes da submissão antecipada da sua terapia de dose única diária, o FTY720 (fingolimod).

No passado mês de Março, a Novartis e a Bayer acordaram na disputa sobre o Betaseron, num acordo que deu à Bayer controlo total do produto, enquanto permitiu à Novartis lançar uma versão em 2009.

A esclerose múltipla afecta mais de 2,5 milhões de pacientes a nível mundial e é uma das principais causas de debilitação neurológica em adultos jovens.

Isabel Marques

Fontes: Reuters, CNN / Farmacia.Com.Pt

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: