jump to navigation

Poderosa linhaça 23/10/2007

Posted by Esclerose Múltipla in Qualidade de vida.
trackback

Esta semente é um superalimento com ômega 3, fibras, vitaminas, minerais e proteínas. Combinação perfeita para garantir o bom funcionamento do organismo, prevenir o envelhecimento e o surgimento de doenças. Ainda não a consome? Então comece agora!

1 – semente marrom
Escura como café, tem a casca resistente, porém não perde nada em potencial nutritivo. Nativa da região mediterrânea e adequada ao clima quente, já está muito bem adaptada ao solo brasileiro
2 – semente dourada
Clara como o gergelim, costuma ser cultivada no Canadá, pois gosta do clima frio. Seu sabor é mais suave que o da linhaça escura

Para os adeptos da alimentação natural, a linhaça já é uma velha conhecida. Mas para a maioria dos brasileiros, incluí-la no cardápio parece uma estranha novidade. O grãozinho poderoso, descoberto na Ásia há cerca de 5 mil anos a.C., está sendo apontado hoje pela ciência como um alimento poderosíssimo. Essa pequena cápsula contém diversos nutrientes essenciais ao organismo, como proteínas, vitaminas, fibras e minerais, e é uma das únicas fontes vegetais de ômega 3, um ácido graxo importante para regular a pressão arterial, evitar problemas cardiovasculares e o câncer.

de grão em grão
O óleo de linhaça corresponde a até 40% do conteúdo total da semente e é utilizado para diversos fins: na fabricação de tintas, resinas, sabão, cosméticos, culinária e como matéria-prima nas farmácias de manipulação. Mas é sua ação terapêutica que chama mais a atenção. Diversos estudos demonstram que a linhaça acumula propriedades curativas e preventivas de doenças. Membros do Instituto Científico do Canadá e dos Estados Unidos afirmam que, além do ômega 3, ela contém ainda outros dois tipos de gordura (ômega 6 e ômega 9) que, quando consumidas regularmente, não só afastam o risco de desenvolver enfermidades degenerativas, como potencializam seu tratamento. Já os cientistas da Universidade de Toronto, no Canadá, anunciaram recentemente que a semente é capaz de bloquear a metástase em pacientes com câncer de mama. Os benefícios milagrosos se estendem a outros tipos de tumores malignos, como o de cólon e o de próstata. Veja a seguir os maiores benefícios da linhaça e como consumi-la no dia-a-dia para garantir uma vida pra lá de saudável!

O que a linhaça faz por sua saúde:
Corpo resistente

A ingestão diária do grão pode ajudar o organismo a se defender contra invasores, como bactérias, vírus e células mutantes. Isso devido ao ômega 3, às ligninas vegetais e aos fitosteróis e bioflavonóides.

Ossos mais fortes
Cientistas da Universidade de Oklahoma (EUA) descobriram que a semente é benéfica para a estrutura óssea de mulheres pós-menopausa, devido ao seu poder antioxidante. Eles afirmam que os radicais livres gerados nessa estrutura debilitam os ossos.

TPM tranqüila
Os sintomas da Tensão Pré-Menstrual muitas vezes têm origem no desequilíbrio entre os hormônios estrogênio e progesterona. Por esse motivo, a mulher precisa de boas fontes de ácidos graxos, presentes na linhaça, que são essenciais para o equilíbrio do sistema hormonal.

Menopausa sob controle
O estrógeno fica com suas taxas em baixa durante o climatério, provocando aqueles sintomas típicos dessa fase, como ondas de calor, alteração do humor e ressecamento da pele. As ligninas, substâncias da linhaça que imitam a ação do estrógeno, funcionam como um agente natural na reposição de hormônios.

Pulmões e bexiga em ordem
Por causa dos efeitos antiinflamatório e emoliente sobre as mucosas, a linhaça alivia os sintomas de bronquite e cistite. Seu consumo diário auxilia em todos os casos de inflamação dos rins e da bexiga, nos espasmos da bílis e nas doenças respiratórias, como a asma.

Alimento do bem

Além da saúde, a linhaça também atua em prol da beleza, fortificando os cabelos, as unhas e a pele

Circulação perfeita
Veias e artérias com depósito de gordura dificultam a circulação, provocando derrame cerebral e infarto. Os ômega 3 e 6 da semente evitam o acúmulo de lipídios.

Obesidade, não!
Como a linhaça elimina rapidamente o colesterol, ajuda a controlar a obesidade. A grande quantidade de fibras (cinco vezes maior do que na aveia), diminui o apetite.

Digestão mais fácil
A ação antiinflamatória e emoliente do grão regenera a mucosa digestiva danificada. No tratamento deve-se consumir a semente deixada de molho à noite e triturada pela manhã, todo dia.

Rins em equilíbrio
Para curar cálculos renais ou biliares, o ideal é usar o óleo de linhaça prensado a frio (natural ou em cápsulas). O grão moído reduz quadros de inflamação.

Concentração a mil
Os ácidos graxos, flavonóides, fitosteróis e fosfolipídios renovam as células cerebrais, melhorando a capacidade de concentração e a agilidade mental.

Dicas de consumo
Tanto a linhaça dourada quanto a marrom possuem os mesmos nutrientes. Mas a nutricionista Vanessa Schmidt (SP) alerta: “Sozinhas não fazem milagres! É necessário manter um regime diversificado e o mais natural possível”. E atenção: a ingestão das sementes não dispensa o tratamento médico. Elas podem ser consumidas por adultos, crianças e gestantes. Anote algumas dicas importantes:
* A medida diária ideal são duas colheres de sopa da farinha ou uma colher de sopa de grãos.
* Como a linhaça é muito rica em fibras, beba bastante água para colaborar com o bom funcionamento do intestino.
* É muito fácil inserir esse alimento no seu dia-a-dia. Basta acrescentá-lo aos sucos de frutas, iogurtes, saladas, vitaminas e em massas.
* Triture as sementes no liquidificador ou mastigue-as muito bem para garantir que sejam absorvidas pelo organismo. Coma em seguida para evitar a oxidação.

Receitas pra lá de saborosas e vitaminadaReceitas vitaminadas

Experimente estas sugestões da nutricionista Vanessa Schmidt

massa integral caprese
rendimento: 4 porções

500 g de massa integral cozida al dente
4 tomates maduros picados
3 dentes de alho laminados
1 xícara (chá) de azeite
1 colher (sopa) de alcaparras
200 g de mussarela de búfala
sal e manjericão a gosto

modo de preparo
Aqueça o azeite e doure levemente o alho. Acrescente o tomate, deixe refogar por 5 minutos em fogo brando. Adicione o manjericão e as alcaparras. Acerte o sal. Coloque a massa já cozida em uma travessa, misture o molho e espalhe a mussarela de búfala. Sirva a seguir.

mix de fibras
rendimento: 1 vidro

3 colheres (sopa) de aveia em flocos
2 colheres (sopa) de sementes de linhaça
2 colheres (sopa) de farelo de quinua
4 castanhas-do-pará picadas
1 pequeno punhado de uvas-passas
4 damascos secos picados

modo de preparo
Misture todos os ingredientes e coloque-os num pote de vidro com tampa. Conserve por 30 dias na geladeira. Use 2 colheres (sopa) sobre frutas frescas, nas vitaminas ou saladas de frutas.

molho para salada
rendimento: 12 colheres (sopa)

2 colheres (sopa) de sementes de linhaça
2 dentes de alho amassados
suco de 1 limão
1 tomate sem pele e sem sementes
½ xícara (chá) de água
sal a gosto

modo de preparo
Bata os ingredientes em um processador e use como tempero de salada verde.

pão de linhaça
rendimento: 2 pães

1 colher (sopa) de açúcar mascavo
1 colher (sopa) de extrato de soja
1 xícara (chá) de uvas-passas pretas sem sementes
2 colheres (sopa) de sementes de linhaça
2 xícaras (chá) de farinha de trigo integral fina
1 ovo
1 xícara (chá) de farinha de trigo branca
2 xícaras (chá) de água
2 ½ tabletes de fermento biológico

modo de preparo
Bata no liquidificador a água, o ovo, o açúcar, o sal, o extrato de soja, a linhaça e o fermento. Coloque numa vasilha, junte as farinhas e misture bem. Acrescente as passas. Coloque em duas fôrmas para pão untadas. Deixe descansar por 10 minutos e asse em forno quente por 30 minutos.

Fonte: Revista Estilo Natural – outubro de 2007

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: