jump to navigation

Atitudes e pensamentos para evitar a depressão 21/10/2007

Posted by Esclerose Múltipla in Qualidade de vida.
trackback

Pesquisas mostram que uma das razões para o aumento da incidência da depressão é o estresse resultante da competitividade desenfreada. “Entrar numa corrida alucinada para ser o melhor, o mais esperto e o mais rico, e não para realizar-se, normalmente gera um sentimento de desesperança e de inutilidade que pode levar à depressão”, explica o psiquiatra Cyro Masci, membro da Academia Americana de Estresse Traumático. Além do tratamento convencional, diz Cyro, mudar a qualidade dos pensamentos é fundamental na cura e mesmo na prevenção da doença:

NADA É PARA SEMPRE
A pessoa otimista acredita que as situações infelizes são passageiras. A pessimista as considera permanentes.

A SOLUÇÃO DEPENDE DE MIM
O pessimista tende a não confi ar em si próprio e a buscar a solução nas outras pessoas. O otimista sabe que as respostas estão em si mesmo e por isso tem autonomia interna e autoconfi ança diante das oportunidades e crises.

VAMOS POR PARTES
Para o otimista, as coisas são conquistadas em etapas. O pessimista sonha em dar um único passo e “chegar lá”, o que o impede de avançar dentro do possível.

VIVA EU!
A pessoa otimista tende a se considerar responsável por acontecimentos felizes. A pessimista quer atribuí-los ao acaso ou à sorte.

DESAFIO, NÃO AMEAÇA
Um traço comum no otimista é enxergar as exigências da vida como desafi os. O pessimista os encaram como ameaças. Enfrentar problemas é um modo de aprender mais sobre a vida, acredita o otimista.

Fonte: Revista Viva Saúde – outubro de 2007

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: