jump to navigation

51 dicas para ser feliz 11/10/2007

Posted by Esclerose Múltipla in Qualidade de vida.
trackback

Acredite, a alegria de viver pode estar mais perto do que você imagina: num sorriso sincero, num banho de chuva, na amizade verdadeira, na coragem para mudar. Veja como alcançar a realização

Se pudesse receber as respostas de todos que lerão essa matéria, certamente encontraria algumas como: achar meu par perfeito, emagrecer, comprar minha casa, passar no vestibular, engravidar. Certo? Pois bem, se você respondeu algo parecido, saiba que a chance de encontrar a verdadeira felicidade é muito remota. Isso porque no momento em que realizamos um sonho – e alguns lamentavelmente nunca se realizam – criamos uma nova meta. No entanto, colocar nossa satisfação apenas no futuro, ou pior, impor uma condição para que ela se concretize, é uma maneira de se condenar à frustração eterna. A hora de ser feliz é agora, com os recursos que você tem, enxergando o lado belo da vida, que está em toda a parte e não apenas no pote de ouro escondido no fi nal do arco-íris. Mas se você pensa que são necessárias verdadeiras revoluções para que isso aconteça, engana-se. “A felicidade depende muito da estabilidade sentimental, de estar bem consigo mesmo e de ser capaz de curtir os prazeres do corpo e do espírito”, afi rma o médico e psicoterapeuta Flávio Gikovate. Ou seja, para ser feliz é preciso voltar ao simples. Conheça algumas dicas essenciais para chegar à realização.

{vida a dois}
[1. Não encare o amor como algo a ser colocado acima da razão, da lógica e da dignidade pessoal]
2. Imagine-se sempre no lugar do outro.
3. Reconheça seus erros com humildade.
4. Diga “eu te amo” em todas as oportunidades.
5. Entregue-se totalmente.
6. Toque seu parceiro todos os dias. Quem dá carinho, também recebe.
7. Faça amor sem pressa.

{trabalho}
[8. Ouça as pessoas para conseguir entender os diversos pontos de vista e tentar respeitá-los]
9. Use as diferenças a seu favor.
10. Emita opinião apenas sobre o trabalho do outro, jamais sobre a pessoa.
11. Não esqueça seus erros até que aprenda com eles.
12. Anote na agenda, ou em um papel, as tarefas a desenvolver no dia seguinte,
por ordem de prioridade. Isso ajuda a organizar a mente e a diminuir o estresse.
[13. Só abra sua intimidade a um colega de trabalho se ele fi zer o mesmo com você]
14. Pergunte-se se você faz o que sempre sonhou e tenha coragem para mudar se for preciso.
15. Seja inteira em tudo o que fizer.

{família}
16. Ouvir o ponto de vista de quem lhe quer bem também é deixar-se guiar pelo bom senso.
[17. Seja grata a seus pais]
18. Não culpe sua família por você não ser o que gostaria. Somos nós que guiamos nosso caminho, ainda que as vozes sejam contrárias. Assuma sua responsabilidade.
19. Fique atenta às histórias contadas pelos mais velhos e pense em você como continuidade dessas vidas.

{vida espiritual}
20. Olhe para o céu, para a natureza. Mantenha-se em contato com o
mistério da existência.
21. Você não vai encontrar explicação para tudo. Renda-se diante dos pequenos milagres.
[22. Tenha fé e siga adiante]
23. Antes de desejar algo, pergunte-se o porquê do seu querer.

{saúde}
24. Evite o que pode lhe causar problemas futuros, como drogas, abuso de álcool e remédios.
25. Pratique atividades físicas e adote uma alimentação saudável.
26. Não seja escrava da vaidade. Cuide-se, mas não faça da aparência o mais importante.
27. Respire fundo.
28. Fuja de todo tipo de compulsão.
[29. Massageie-se com um óleo ou hidratante. Sinta seu corpo]

{amigos}
30. Você não precisa ser forte o tempo todo. Peça colo quando necessário.
31. Aproxime-se das crianças para se lembrar de como é sua própria essência.
32. A comensalidade sempre esteve em alta. Faça jantares para seus amigos, compartilhe a mesa com eles.
[33. Conceda a todos o benefício da dúvida. Não culpe ninguém até ter provas]
34. Seja receptiva.
35. Aja sem esperar recompensas.

{autoconhecimento}
36. Tire um momento para ficar sozinha, ouça uma boa música, leia um livro que queria comprar há muito tempo, vá ao cinema, relaxe.
37. Procure o bom senso e o equilíbrio, controlando sua agressividade.
38. Acredite que você é capaz, pois aceitar desafi os nos faz crescer.
39. Trace trajetórias de acordo com seus sonhos, sem se deixar levar pelas
expectativas do mundo.
40. Reaprenda a chorar.
41. Aceite os presentes que a vida lhe oferecer. Não serão poucos.
42. A dor pode ser o salto para um patamar mais alto de maturidade. Não fuja quando ela aparecer, abra-se para entendê-la.
43. Para mudar é preciso se amar.
44. Diga adeus ao que deve ficar no passado.
45. Traga à memória o que pode lhe inspirar esperança.
46. Valorize sempre todas as suas qualidades e aptidões.
47. Faça o que puder pelo planeta. Separe o lixo, economize água, reaproveite materiais.
48. Aceite que você não pode ser perfeita e não é.
49. Saia do piloto automático mental.
50. Elimine o supérfluo.
[51. Procure a felicidade na simplicidade]

MAIS ALÉM: 51 dicas para ser feliz

O termo “perseguir a felicidade” já dá a idéia de que esse estado de espírito é muito difícil de se obter ou até mesmo impossível de ser alcançado. Durante muito tempo, reinou em nossa sociedade o pensamento de que ser feliz era ter uma vida perfeita, como uma verdadeira mocinha de telenovela. Acontece que nem mesmo na TV isso tem acontecido assim. Por quê? Bom, o modo de encarar a realidade mudou e não adianta ninguém mais tentar se enganar: nada é perfeito! Isso, entretanto, não descarta a possibilidade de você se considerar uma pessoa realizada.

A psicóloga do departamento de Psicobiologia da Universidade Federal de São Paulo, Eliana Melcher Martins, afirma que a vida deve ser encarada como uma espécie de pizza. Nela deve haver as fatias da família, dos amigos, da profissão, do relacionamento, da auto-imagem e muitas outras, dependendo de cada pessoa. Ao focar cada área, fica mais fácil descobrir onde existe uma lacuna e tentar preenchê-la. “Se uma das fatias está vazia, vai acabar afetando as outras. Entender qual setor está descompensado pode ajudar a buscar um equilíbrio na totalidade”, diz. Isso significa, minha amiga, que é preciso agir diante da dificuldade. Portanto reclamar, lamentar e sofrer só vai aumentar o problema.

Não é incomum, por exemplo, sempre jogar a culpa da insatisfação no trabalho, afinal de contas é nesse local onde as pessoas normalmente passam a maior parte do tempo. “A questão é que, às vezes, não nos damos conta de que fazemos parte da construção dos ambientes em que estamos. A solução não é mudar a cabeça do outro, mas a nossa”, explica Nivaldo Scrivano, consultor na área de eficácia gerencial.

Mas se você pensa que são necessárias verdadeiras revoluções para que isso aconteça, engana-se. “A felicidade depende muito da estabilidade sentimental, de estar bem consigo mesma e de ser capaz de curtir os prazeres do corpo e do espírito”, afirma o médico e psicoterapeuta Flávio Gikovate. Ou seja, para ser feliz é preciso voltar ao simples. A professora do Instituto de Psicologia da Universidade de São Paulo, Henriette Morato, completa: “Quando nos distanciamos de nós mesmos, criamos uma imagem irreal do que deveríamos ser para chegar à realização”.

Fonte: Revista Estilo Natural – outubro de 2007

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: