jump to navigation

Cérebro em boa forma 20/09/2007

Posted by Esclerose Múltipla in Qualidade de vida.
trackback

Cérebro em boa forma

Estudo inédito no Brasil mostra a importância da atividade física para a qualidade de vida das vítimas cerebrais ou de doenças como Alzheimer e Parkinson. A pesquisa, da Faculdade de Ciências Médicas da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), utilizou ressonância magnética para medir a atividade cerebral de 36 pessoas – 20 sedentários, OITO CORREDORES de longa distância e OITO JUDOCAS. Os resultados confirmam que o esporte aumenta a capacidade dos neurônios assumirem a SÍMBOLO IMAGENSfunção das estruturas danifi cadas pelas doenças. Os judocas apresentaram um aumento na massa cinzenta de sete mil voxels (unidade de medida utilizada) na área motora e de concentração. Já os corredores, com aumento de cinco mil voxels, tiveram perda na memória, mas ganhos signifi cativos na mobilidade. Portanto, mexa-se.

OUTRAS RAZÕES PARA MALHAR

Quem não gosta de judô nem corrida, pode encontrar boas alternativas para a saúde do corpo e da mente na musculação, ginástica, dança e caminhada. Esses exercícios, segundo Fernando Jorge Brancatti (SP), professor de Educação Física, aumentam a força e a resistência (caso da ginástica e dança) e ajudam na socialização. “Já a caminhada oferece benefícios similares aos obtidos com a corrida, mas num período maior de tempo”, explica.

Fonte: Revista Viva Saúde, setembro de 2007

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: