jump to navigation

Pilates ganha mais opções de exercícios, com programas na água e bolas 18/09/2007

Posted by Esclerose Múltipla in Qualidade de vida.
trackback

Pilates com bola /Simone Marinho  - O GloboRIO – Pilates em aparelhos, com faixas elásticas, com bolas e na piscina. A ginástica criada a partir de exercícios usados na Grécia Antiga, na ioga e nas artes marciais ganhou novas formas de treinamento e está atraindo um número cada vez maior de adeptos. Mas antes de escolher um dos estilos dessa atividade, é preciso saber qual é o mais indicado para cada caso.

 

É a ginástica ideal para pessoas que buscam bem-estar ou vivem com problemas posturais


A professora Teresa Camarão diz que não importa em que ambiente a técnica é realizada ou quais são os acessórios usados no treinamento, mas sim a aplicação correta dos princípios da ginástica. Luiza Diniz, professora de pilates com bolas e no solo (o Mat Pilates), concorda e acrescenta que essa ginástica, quando realizada corretamente, é um exercício completo.

– O pilates aumenta a força, melhora o equilíbrio muscular, a coordenação motora e a flexibilidade, além de estimular a consciência corporal e trabalhar a respiração. Alivia o estresse e aumenta a auto-estima. É a ginástica ideal para pessoas que buscam bem-estar ou vivem com problemas posturais – diz Luiza, que dá aulas de pilates com bolas na academia Pró-Forma.

Na técnica com a bola suíça um dos objetivos dos movimentos é a correção postural.

– Essa modalidade é mais indicada para pessoas que sofrem de problemas posturais, que desejam aumentar a capacidade de concentração, relaxar, melhorar a respiração e a resistência muscular. É uma boa maneira de treinar intensamente os músculos abdominais e posturais, fortalecendo o tronco sem prejudicar o corpo – afirma.

Fonte: O Globo Online

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: