jump to navigation

Alimente-se de energia 25/04/2007

Posted by Esclerose Múltipla in Qualidade de vida.
trackback

A falta de nutrientes essenciais pode causar cansaço, fadiga e desânimo. Saiba o que comer em cada refeição para estar sempre bem-disposta

O DESPERTADOR TOCA de manhã e só de pensar em todas as tarefas que estão por vir já bate aquele desânimo. É a pós-graduação, as reuniões do trabalho, a consulta médica, aquela ida rápida ao supermercado e, à noite, um aniversário em família.

Haja pique! Para contornar o cansaço, muitas vezes lançamos mão de estimulantes e energéticos, recorrendo quase sempre à cafeína, substância que, se consumida em excesso, pode causar muitos danos ao organismo. Em um primeiro momento, a “falsa disposição” pode até agradar, porém, os dias vão se seguindo e, mais cedo ou mais tarde, vem outra crise de fadiga. Mas o que fazer então para conseguir executar tantos afazeres sem sobrecarregar corpo e mente?

As melhores dicas talvez sejam repensar a rotina, delegar tarefas, exigir menos de si mesma…planos quase impossíveis de se realizar na vida real. Entretanto, há uma luz no fim do túnel, um aspecto de seu dia-a-dia no qual você talvez não esteja prestando muita atenção: a alimentação. Em nossa vida corrida, nem sempre é possível observar com cuidado a qualidade daquilo que comemos. O que muita gente não compreende é que não é só na balança que esses maus hábitos se refletem. Além de favorecer o ganho de peso, uma dieta incorreta também pode causar apatia e até depressão. “Para ter ânimo e disposição é fundamental fazer uma alimentação balanceada e adequada a nosso estilo de vida”, explica a nutricionista de São Paulo Vanessa D. Schmidt.

Além dos macronutrientes – carboidratos, lipídios e proteínas – é fundamental incluir nas refeições diárias fontes de vitaminas, principalmente A, C e do complexo B, e minerais como zinco, selênio e potássio.

Outro ponto importante, segundo a especialista, é a escolha dos itens mais indicados para cada cardápio. Por exemplo, no café da manhã, é necessário ter uma fonte de carboidrato (que pode ser uma fruta, cereal ou pão integral) para começar o dia bem. No almoço, procurar não consumir carne vermelha e gorduras, comidas que obrigam o corpo a gastar muita energia na digestão, causando sonolência. Nesta refeição, é essencial consumir fibras – presentes em leguminosas, verduras e grãos – carnes brancas e frutas, de preferência com casca. “Esse tipo de alimento demora mais para ser metabolizado, evitando que sintamos fome logo”, diz Vanessa. Para os amantes do cafezinho aqui vai um alerta: se você não abre mão da bebida, espere pelo menos 40 minutos para tomá-la após o almoço, é que a cafeína interfere na absorção do ferro pelo organismo. Já no jantar, a regra é deixar os carboidratos de lado, preferindo saladas, grelhados e sopas. Outra dica interessante é manter-se sempre bem hidratada. “O ideal é tomar oito copos de água pura por dia. Mantenha uma garrafinha do líquido sempre por perto. Sentir sede já é sinal de desidratação”, explica.

Que tal colocar as medidas em prática? Experimente o sugestão de uma semana criado pela nutricionista.

alimentos que combatem a fadiga

ALFACE Ótima para amenizar a irritação. O talo tem lactucina, substância que funciona como calmante. Além disso, é rica em fosfato. A falta desse elemento no organismo causa depressão, confusão mental e cansaço. Use e abuse, inclusive no preparo de sucos desintoxicantes, nas saladas cruas e nos chás terapêuticos.
 BANANA Essa fruta, tão comum em terras brasileiras, diminui a ansiedade e ajuda a garantir um sono tranqüilo. Ela tem esses poderes por ser rica em carboidratos, potássio, magnésio e biotina. A banana também dá o maior pique porque possui vitamina B6, que produz energia. Não exagere, porque por conter muita frutose, acaba engordando.
 ESPINAFRE A verdura contém potássio e ácido fólico, que previnem a depressão. Ainda, contém magnésio, fosfato e vitaminas A, C e do complexo B, que ajudam a estabilizar a pressão e garantem o bom funcionamento do sistema nervoso.
 FRUTOS DO MAR Quer dar um chega para lá na apatia? Abuse das delícias que vêm do mar. Elas têm zinco e selênio que agem no cérebro, diminuindo o cansaço e a ansiedade. Também são boas fontes de proteína e gordura saudável (ômega 3, essencial para o trabalho regular do coração. Não exagere, pois os frutos do mar também têm colesterol.
 JABUTICABA Essa frutinha é composta de ferro – que combate a anemia – e vitamina C, que aumenta as defesas do organismo. Suas vitaminas do complexo B agem como antidepressivos. A jabuticaba tem grande quantidade de carboidratos, que fornecem energia e, por isso, reanimam. Para que não prenda os intestinos, a cada 10 ingeridas, mastigue (e coma) uma com casca e tudo.
 LARANJA Abundante em vitamina C, cálcio e vitaminas do complexo B, a laranja auxilia o sistema nervoso a trabalhar adequadamente. O cálcio, presente em sua composição, é relaxante muscular e combate o estresse. Essa fruta ainda é energética, hidratante e previne a fadiga. Opte por consumir a laranja em pedaços ou gomos, e evite tomá-la como suco. A fruta é farta em fibras (principalmente a pectina) que são muito benéficas aos intestinos.
 OVOS Os nutrientes dos ovos que garantem o bom humor são a tiamina e a niacina (vitaminas do complexo B), ácido fólico e acetilcolina. A carência deles pode causar apatia, ansiedade e até perda de memória. Duas unidades por semana é uma porção bastante saudável.
 UVA Essa fruta tem boa dose de vitaminas do complexo B, que colaboram no funcionamento do sistema nervoso. A vitamina C e os flavonóides da uva são antioxidantes, que retardam o envelhecimento da pele e ajudam a combater o colesterol. Além disso, é energética. Use também nos sucos desintoxicantes e nas saladas verdes.


receitas das sobremesas

As sobremesas feitas com ricota são alternativas saudáveis para matar a vontade de doce sem brigar com a balança

creme azedinho
rendimento: 1 porção
valor calórico: 178 calorias

ingredientes:
½ xícara (chá) de ricota
¼ de colher (chá) de raspas de limão
¼ de colher (chá) de essência de baunilha
1 sachê de adoçante

modo de preparo:
Misture a ricota, as raspas de limão, a essência de baunilha e o adoçante em uma vasilha. Sirva gelado

creme amendoado
rendimento: 1 porção
valor calórico: 192 calorias

ingredientes:
½ xícara (chá) de ricota
¼ de colher (chá) de essência de amêndoa (ou baunilha)
1 colher (chá) de amêndoas tostadas
1 sachê de adoçante

modo de preparo
Misture a ricota, a essência de amêndoa e o adoçante em uma vasilha. Sirva gelado e salpicando as amêndoas tostadas

creme mulato
rendimento: 1 porção
valor calórico: 261 calorias

ingredientes
½ xícara (chá) de ricota
½ colher (chá) de cacau em pó
¼ de colher (chá) de essência de baunilha
1 sachê de adoçante
1 pitada de café expresso

modo de preparo
Misture a ricota, o cacau, a essência de baunilha e o adoçante em uma vasilha. Sirva gelado, com uma pitada de pó de café.

creme de ricota com baunilha
rendimento: 1 porção
valor calórico: 178 calorias

ingredientes
½ xícara (chá) de ricota
½ colher (chá) de essência de baunilha
1 sachê de adoçante

modo de preparo
Misture a ricota, a essência de baunilha e o adoçante em uma vasilha. Sirva gelado.

Clique na imagem

Fonte: Revista Estilo Natural – abril de 2007

%d blogueiros gostam disto: