jump to navigation

Clientes de planos de saúde garantem exames na Justiça 04/03/2007

Posted by Esclerose Múltipla in Utilidade pública.
trackback

Sandra Luz

Portadores de doenças neurológicas degenerativas estão entrando na Justiça contra planos de saúde para garantir a realização de exames de alta complexidade como: ressonância magnética nuclear, tomografia computadorizada, spect cerebral, entre outros. Segundo Naelson Ferreira, da associação de portadores da Doença de Machado-Joseph, que causa ataxia, somente este ano foram 20 ações em que os pacientes tentam garantir os exames para continuar, ou iniciar o tratamento.

Minamar Junior
representante1.jpg
Representante diz que em 2007 entidades entraram com 20 ações para garantir exames

Os integrantes das associações estão preocupados com a freqüência da recusa para realização dos exames, considerando os dados de 2006, quando houve 15 ações judiciais em 12 meses. “Este ano aumentou bastante e queremos mostrar para a sociedade que temos esse direito”, afirma Ferreira. O representante explica que em Campo Grande há pelo menos 800 portadores de alguma doença neurológica degenerativa. “A Justiça, em geral, nos tem dado ganho de causa”, revela, mas reforça que a demora termina por prejudicar o tratamento. Há casos, segundo os representantes, em que o tratamento nem chega a ser iniciado porque a falta de exames não permite um diagnóstico.

Neste domingo, representantes de associações, familiares e portadores fazem uma reunião onde definem para quem devem pedir auxílio. Uma das opções é buscar o MPE (Ministério Público Estadual) e o MPF (Ministério Público Federal). Os integrantes vão emitir uma carta aberta à população onde explicam que o procedimento dos planos de saúde têm, inclusive, colocado em risco à vida dos pacientes.

Entre os pacientes que têm enfrentado o problema estão portadores de ataxias cerebelares, coréia, distrofia muscular, Niemann-Pick, esclerose múltipla, esclerose amiotrófica lateral, paralisia cerebral, doença de Parkinson, síndrome de Tourette, blefaroespasmo, doença de Kennedy, doença de Wilson e espinha bífida. A maioria causa algum tipo de distúrbio de movimento.

Fonte: Campo Grande News

%d blogueiros gostam disto: