jump to navigation

Deficientes têm problemas com os acessos 06/02/2007

Posted by Esclerose Múltipla in Qualidade de vida, Utilidade pública.
trackback

Pai precisou de ajuda para chegar com o filho em cadeira de rodas no novo setor

Leandro Menezes , Henrique Netto , Márcio Iannacca | Fonte: GLOBOESPORTE.COM

RIO DE JANEIRO – Muitas obras foram feitas para que o Maracanã fosse entregue com melhorias para os torcedores. Se em alguns pontos a Suderj acertou em melhorar, parece ter esquecido de uma pequena parte de quem vai torcer por seu time: os deficientes.

Jorge Augusto, 46 anos, técnico de refrigeração e pai de um filho em cadeira de rodas, reclama dos acessos para chegar ao setor de cadeiras comuns.

– O acesso para deficientes não é dos melhores no Maracanã. Tive problemas para subir com o meu filho na cadeira de rodas. Em alguns lugares existem rampas, mas em outros só escadas. Tive que pedir ajuda para levá-lo até o seu lugar. Deviam pensar com mais carinho nos torcedores deficientes – afirma Jorge, torcedor do Fluminense.

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: