jump to navigation

Casal britânico é julgado por enviar chocolate com cannabis pelo correio 25/12/2006

Posted by Esclerose Múltipla in Utilidade pública.
trackback

Um casal britânico foi acusado de “conspiração para fornecimento de droga” por enviar pelo correio tabletes de chocolate com cannabis para pessoas com esclerose múltipla de todas as partes do mundo.

Mark e Lezley Gibson, que moram em um distrito do noroeste da Inglaterra, organizaram uma campanha chamada “Ajuda Terapêutica com Cannabis para a Esclerose Múltipla”.

Os dois criaram um site para a campanha (www.thc4ms.org) e, com a ajuda de um amigo, ofereciam barras de “chocolate medicinal com leite e cannabis, apropriadas para vegetarianos”, informa a edição de hoje do jornal britânico “The Times”.

Durante vários meses, o casal enviou 22 mil barras de chocolate de 150 gramas da marca “Canna-biz” para 460 endereços. Em cada um dos chocolates, segundo a Polícia, havia aproximadamente 3,5 gramas de cannabis.

A operação foi descoberta quando um funcionário dos correios da localidade de Carlisle entrou em contato com o casal, pois um dos pacotes acabou sendo aberto durante a manipulação postal.

A polícia descobriu na residência do casal vários pés de maconha, equipamentos para a fabricação de chocolate, rótulos, vasilhas e uma lista de endereços.

Gibson, de 42 anos, sua esposa, que sofre de esclerose múltipla, e Marcus Davies, sócio no negócio, negaram o crime.

O promotor Jeremy Grout-Smith disse ao júri que, embora a atuação dos três tenha sido motivada por motivos altruístas, isto não os exime de serem responsabilizados pelo crime, cuja pena pode chegar a 14 anos de prisão.

Os três não eram traficantes de drogas no sentido convencional, pois vendiam os chocolates por acreditarem que isto ajudaria a aliviar a dor causada pela doença.

O júri, que ainda não deu seu veredicto, provavelmente levará em consideração o fato de um dos acusados, Lezley Gibson, sofrer de esclerose múltipla.

Agência EFE

Fonte: Diário da Manhã http://www.dm.com.br/

%d blogueiros gostam disto: